Governo do DF insiste em parcelamento dos salários dos servidores

Ponto de Vista

Mais um capítulo dessa trama sem fim — os salários da grande maioria dos servidores serão parcelados — já para o próximo mês. De acordo com o secretário-chefe da Casa Civil, Sérgio Sampaio, disse, em entrevista, nesta quarta-feira (16), que 95% da arrecadação vai para pagamento da folha dos funcionários públicos, ou seja, quem sufoca o GDF agora são os servidores que se veem penalizados por uma gestão sem compromisso com a população do Distrito Federal. O pior e o desprezo com quem zela pelo o bem público.

A crise instalada no GDF está acabado com os sonhos e com a imagem da cidade. Enquanto os serviços públicos definham e o Buriti alega não ter dinheiro em caixa.

Nunca se viu uma gestão tão desastrosa na história. O fantasma do parcelamento dos salários assunta todas as categorias e que não admitem serem responsabilizados por falta de planejamento e uma gestão eficiente.

Como se não bastasse o sucateamos do estado, criam-se mais esta opção que é dividir salários, vale lembrar, que as contas do fim do mês não são parceladas.

“Se houver parcelamento, só a segurança pública ficará de fora. Todas as outras categorias serão afetadas”, anunciou, Sérgio Sampaio.

As forças de segurança pública não ficarão de fora por que são pagos pelo Fundo Constitucional, o repasse vem direto da união.

A crise é tão grave que o governo já trabalha com a possibilidade de outras atividades pararem por falta de pagamento. Onde chegamos? A compra de “remédios para hospitais”, vigilantes e prestadores de serviços, como alimentação para escolas, estão sem receber há meses.

Mais uma vez o secretário do governo Rollemberg fala sobre o peso dos servidores públicos “Vai chegar uma hora que serviços essenciais vão parar. Para manter os salários em dia.”. Diz.

A má gestão pública e a incapacidade de responder aos anseios da população do Distrito Federal, assusta; é um caos de desinformação, “nós vamos nos mobilizar e junto com os sindicatos impedir que os “servidores públicos” sejam penalizados, sendo que não tem culpa pela a péssima gestão do atual governo”. Ressalta, Roberto Policarpo.

Policarpo é um grande defensor dos servidores públicos tem na sua história ativa participação em prol destes profissionais.

Vamos aguardar o desenrolar de mais um capítulo desse jogo de empurra, empurra!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *


*